sábado, 9 de julho de 2011

Conflitos pela água ameaçam paz mundial

By Irenaldo Araújo   Posted at  08:33   No comments

Quinta-feira, 7 de julho de 2011 - 11h11min

por ALC - Agência Latino-Americana e Caribenha de Comunicação

O secretário geral do Conselho Mundial de Igrejas (CMI), pastor Olav Fykse Tveit, alertou que os conflitos relacionados com a água ameaçam a paz no mundo. Ele participou de celebração, na Alemanha, que marcou o término da Década para a Superação da Violência, promovida pelo organismo ecumênico internacional.

"É muito possível que nos próximos anos a água esteja no centro dos conflitos", disse Tveit no evento Onda de Paz, que teve lugar no dia 2 de julho, em Ulm, às margens do Rio Danúbio. 

O Projeto Onda de Paz começou em setembro de 2010 e foi seguido de uma série de eventos organizados ao longo do rio na Áustria, Eslováquia, Hungria e Romênia, voltados à Década de Superação da Violência, inaugurada em Berlim, em 2001.

A Década culminou com a Convocação Ecumênica Internacional pela Paz, realizada na Jamaica, em maio de 2011. A água foi um dos temas do encontro, apontada como possível fonte de conflito.

"O CMI apóia a Rede Ecumênica da Água como uma das muitas plataformas que demonstra o vínculo entre a paz e a natureza, e a paz entre pessoas que se encontram em conflito por causa dos recursos vitais", afirmou Tveit.

Num sermão pronunciado na Catedral de Ulm, o secretário geral do CMI apontou para o conflito entre israelenses e palestinos, que, disse,  tem na água um de seus componentes.

Segundo Tveit, cristãos de todo mundo têm um papel a desempenhar na busca de uma paz justa em Israel e Palestina. "O que cremos e dizemos pode ser uma contribuição à paz e à justiça, ou a algo completamente diferente", afirmou.

A paz, lembrou o líder ecumênico, é uma questão que diz respeito a toda a humanidade. Ela "começa em nós mesmos e em nossa interação com os outros seres humanos. Trata-se dos efeitos que nossos estilos de vida têm nos demais", destacou Tveit.

Ele também lembrou que o elevado consumo de água tem um impacto no desequilíbrio da economia do líquido, que está acontecendo em diversos lugares do planeta.

Postado do site do CEBI: http://www.cebi.org.br/noticia.php?secaoId=1&noticiaId=2162

Sobre Irenaldo Araújo

Educador, graduado em Pedagogia e Especialista em Psicopedagogia, pelas Faculdades Integradas de Patos; Especialista em Educação Ambiental e Sustentabilidade, pela Universidade Federal de Campina Grande; Mestre em Ciências Florestais, pelo Programa de Pós-graduação em Ciências Florestais, da Universidade Federal de Campina Grande; Doutorando em Educação, pelo Programa de Pós-graduação em Educação, da Universidade Federal da Paraíba (Campus I).usto.
Postado por: Irenaldo Araújo

0 comentários:

Assine nosso Conteúdo

    Proprietário do Site

    Educador, graduado em Pedagogia e Especialista em Psicopedagogia, pelas Faculdades Integradas de Patos; Especialista em Educação Ambiental e Sustentabilidade, pela Universidade Federal de Campina Grande; Mestre em Ciências Florestais, pelo Programa de Pós-graduação em Ciências Florestais, da Universidade Federal de Campina Grande; Doutorando em Educação, pelo Programa de Pós-graduação em Educação, da Universidade Federal da Paraíba (Campus I).